19/07/2014

Pessoas que me inspiram ❤

Hey! Antes de mais nada queria pedir a quem ainda não o fez que respondesse a este Questionário para Leitores que eu criei com o objetivo de perceber o que devo melhorar no blog.

***
No post de hoje resolvi falar um pouco sobre 3 pessoas que me inspiram e que eu admiro muito. Para além da minha mãe e da Beyoncé (vai haver um post só sobre ela eheh), que isso eu acho que meio mundo sabe, rsrs.

Lupita Nyong'o, a queniana linda que foi coadjuvante no filme "12 anos de Escravo" é sem dúvida uma das mulheres que inspiram. A minha admiração por ela só aumentou quando há umas semanas vi uma reportagem sobre uma cantora negra que apareceu recentemente branca. Como? Com a ajuda de um creme que "milagrosamente" clareia toda a pele. Para quem não sabe, existem vários cremes desses no mercado. A notícia gerou polémica, e a cantora chegou até a ser acusada de racismo. No fim da  reportagem apareceu um video em que Lupita lia a carta recebida de uma fã. A jovem dizia que era uma negra escura como ela, e por conta das críticas que recebia sentia-se tentada a usar um desses cremes para ficar mais clarinha, até que a conheceu, desde então ela desistiu da ideia. Lupita emocionou-se, e eu também.

É que sabem, eu lembro-me de em criança, ser sempre de certa forma gozada por ser uma negra mais escura, faziam sempre comentários que me incomodavam e me deixavam triste e revoltada. Hoje em dia ainda ouço comentários desses, mas não ligo muito, porque apesar de tudo, eu tenho orgulho no tom de pele que Deus me deu, e desvalorizo qualquer um que diga o contrário. A Lupita só confirmou isso, que eu devo aceitar-me tal e qual como sou e pronto, que eu posso ser aquilo que eu quiser, se lutar por isso: a cor da pele não é e não deve ser um obstáculo para se levar uma vida normal.

Ellen DeGeneres, tão querida por muitos e bem conhecida pelo seu fantástico talk-show. Adoro-a, não só pelo bom humor e boas energias que ela passa ao seu público, mas também por todas as dificuldades que ela passou por ser homossexual e por continuar a lutar para defender os seus direitos, até hoje.
A minha mãe já me tinha contado a história dela, mas fui pesquisar mais sobre o assunto.
Em abril de 1997, Ellen foi a capa da revista Time, cujo o grande subtítulo era "Sim, sou gay". Esta declaração gerou polémica e trouxe consequências na vida de Ellen, pois foi fortemente criticada, ficou 3 anos sem trabalhar e demorou mais algum tempo para conseguir enfrentar o público. Porém não desistiu e tornou-se numa forte ativista LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais,Travestis), que consiste em movimentos de defesa destas pessoas. Hoje, aos 56 anos (e não parece nada), continua linda, é uma mulher bem sucedida, que luta contra este preconceito sem desistir. Não sou homossexual, mas sou totalmente a favor, não tenho nada contra homossexuais. Para mim é algo totalmente normal, e as pessoas só têm é que aceitar e pronto. Por isso admiro bastante a Ellen, pela coragem e força que teve para enfrentar o mundo.

Fontes: iGay, Terra


Nelson Mandela, é impossível não admirar este homem, o homem que lutou contra o apartheid. (Ontem foi o dia internacional dele ❤.) O que me surpreende é que após 27 anos de prisão, assim que ocupou o cargo de presidente, Mandela mostrou que não alimentara qualquer tipo de raiva pelos brancos, pelo contrário, lutou pela união de todas as etnias existente na África do Sul. E é isso. Antigamente eu irritava-me muito facilmente com as situações de racismo em que me via envolvida, mas graças a pessoas tão sábias como Mandela, cheguei à conclusão de que não vale a pena chatear-me com tão pouco, às vezes até é bem melhor rir. São mentalidades que tarde ou nunca mudarão, na minha opinião. E eu tenho de saber viver e lidar com isso da melhor forma possível. Afinal de contas, o preconceito existe e sempre vai existir!
Descansa em paz Madiba.
***
Algumas destas pessoas vos inspiram? Quem são as pessoas que vos inspiram? Contem tudo nos comentários que eu quero saber!



18 comentários :

  1. só conhecia o Nelson !

    Beeijos, ♥ || Te espero no meu blog ok?!

    http://www.paaradateen.com
    http://www.fb.com/paaradateen
    https://www.youtube.com/user/paaradateen/videos

    ResponderEliminar
  2. Mandela é inspiração de amor ao próximo, humanidade, respeito e sabedoria. O cara mais incrível que tive a oportunidade de "conhecer" e estudar. Seu filme foi brilhante e lindo! http://maynitizzi.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concorto totalmente Mayni, o filme foi fantástico!

      Eliminar
  3. A Ellen e o Mandela são exemplos que devemos admirar. Também me inspiram e mostram que com força de vontade tudo é possível

    ResponderEliminar
  4. ótimos exemplos! Gostei bastante do post, são pessoas que realmente merecem uma homenagem dessas :D
    Beijos :*
    http://www.coisasdarah.com

    ResponderEliminar
  5. Nunca parei para refletir se alguém fora da minha família me inspirava, mas se eu o fosse fazer agora , com certeza levaria em conta seu texto, porque quanto sabemos mais da vida da pessoa, suas atitudes e seu caráter fica fácil fazer com que elas se tornem inspirações. Os três estariam na minha lista. (E não mesmo, não parece que a Ellen tem tudo isso de idade o.O) ahaha
    Beijos, http://nostalgemeas.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exatamente! Ainda bem que concordas :)
      Eu daria a Ellen uns 30 e tal anos ahaha
      Bjooo :)

      Eliminar
  6. Não dava NADA essa idade à Ellen!

    ResponderEliminar
  7. Adoro, tens imenso jeito para escrever i mean adorava saber escrever como tu, adorei o post, a tua maneira de pensar é também excelente, todas essas personagens são personagens louváveis, adoro as!

    Bjs continua

    ResponderEliminar
  8. Não conhecia todos eles, mas achei bem legal. É sempre bom termos exemplos a seguir, né?
    http://toobege.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  9. Mandela com certeza foi e sempre será uma das pessoas mais inspiradoras do mundo! Lupita é um exemplo de uma forte mulher negra, linda e talentosa, mostrando pra todo mundo que o preconceito está a cada dia mais morto.
    Sobre Ellen, não sabia que tinha lutado tanto contra o preconceito. Também a admiro por isso! Adorei o seu post!
    Bjs!
    www.cadeomeubloquinho.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade verdadinha Juliana, obrigada <3

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...